A PHP Error was encountered

Severity: Notice

Message: Only variable references should be returned by reference

Filename: core/Common.php

Line Number: 243

Dicas - :: Amanda Benedetti :: Design de Ambientes ::
Facebook Amanda Benedetti

Marsala - A cor de 2015

Para a surpresa de todos, a Pantona definiu a Marsala como a cor oficial de 2015. Segundo o site da empresa, "As qualidades impactantes do encorpado de Marsala são por si só uma declaração de elegância, adequada para ser usada sozinha ou como uma forte cor de contraste que harmoniza com muitas outras cores. Muito parecido com o vinho autêntico que dá à cor Marsala seu nome, este tom elegante evoca a rica sensação de uma refeição saborosa, enquanto suas raízes marrom-avermelhadas emanam uma naturalidade sofisticada e terrena. Ganhe mais elegância em qualquer ambiente, incorporando esse tom rico e acolhedor em peças de decoração, acessórios interessantes e pinturas de paredes. As características sensoriais de Marsala são reforçadas quando a cor é aplicada a superfícies texturizadas, tornando-se uma escolha ideal para tapetes e estofados móveis da sala." Com tantas referências à sofisticação, gastronomia e elegância, que tal ousar e usar essa cor na sua festa? Combinada com tons neutros, rosas ou verdes, com certeza não passará despercebida!

 
Radiant Orchid - A cor de 2014

O ano de 2014 já tem a sua cor oficial. A Pantone, como faz todos os anos, revelou que a Radiant Orchid (Orquídea Radiante) será a cor de 2014, um tom de roxo cativante, mágico, enigmático.

"Radiant Orchid floresce com a confiança e o ambiente mágico que intriga o olhar e faz faíscas na imaginação. É um roxo mais que expressivo, criativo e abrangente para não falar no seu charme sedutor. A harmonia cativante da mescla entre fúcsias, tons roxo e rosas, Radiant Orchid emana grande alegria, amor e saúde."

Alguém duvida que é uma ótima opção para casamentos?

Quer saber mais sobre a Pantone? Acesse http://www.pantone.com.br/

 
CORES NA DECORAÇÃO

Vocês já fecharam a igreja, escolheram o salão e agora começam a se perguntar: que cor usar???

Muitos casais não sabem que cor escolher, ou o que combina com casamento. Sabe o que eu acho? Nenhuma cor deve ser vetada! Hoje em dia, temos a liberdade de brincar com várias referências para fazer cada festa única e especial!

Na cerimônia, geralmente escolhemos cores mais claras, ainda mais se a igreja for bem ornamentada. Se a cerimônia for ao ar livre, podemos brincar com cores mais alegres, fitas coloridas, tudo bem descontraído! Tudo vai depender do estilo do casal. Cerimônias mais clássicas pedem vidro, cristais, espelhos, cores neutras, detalhes românticos. Se o seu estilo é mais despojado, temos as fibras naturais, a madeira, as cores mais alegres e detalhes divertidos. Com certeza seus convidados irão adorar e reconhecerão os toques de personalidade!

Na recepção, a liberdade é ainda maior! Podemos trabalhar em um único tom, ou até mesmo experimentar combinações diferentes e inusitadas.

Tendência cada vez mais presente nos casamentos, o AZUL é uma cor que vem caindo no gosto dos casais. Pode ser usado com o branco numa proposta mais neutra, com o marinho e vermelho no estilo navy, com verde-maçã numa combinação bem fresquinha, com o amarelo para um tom bem alegre e até mesmo com o cor-de-rosa, bem romântico. O azul passa tranqüilidade, aconchego, e fica super original!

Outra cor muito usada é o AMARELO. Usado em tons fortes ou mais lavadinhos, o amarelo sempre traz alegria ao ambiente!
Usado com tons de branco e champagne, deixamos o tom mais clean; com laranja, uma explosão de cores! Também fica lindíssimo usado com o cinza ou prata, dupla muito usada fora do Brasil, aos poucos sendo introduzida na nossa cultura.

O LARANJA segue a linha do amarelo. Fica lindo em decorações rústicas, e em casamentos ao ar livre. É pura energia! Em combinações inusitadas, pode ser usado com roxo, vermelho e verde em celebrações onde se deseje um toque ousado. Usado com
madeira, fica super harmônico e natural. Em tons mais clarinhos, como o pêssego e o salmão, ficam ótimos para quem gosta do tom em uma proposta mais suave.

O VERDE é uma das cores curingas na decoração. Presente nas folhas e em cada vez mais espécies de flores, acompanha muito bem o branco, fica lindo com azul, e pode suavizar cores fortes. O verde claro traz uma proposta mais fresca, enquanto o verde
escuro traz sobriedade. Uma cor sem contra-indicações! Vai do rústico ao clássico, visitando o romântico com muita harmonia.

Os tons de ROSA já foram considerados cor de debutante. Não mesmo! Existe ocasião mais romântica que um casamento? E as românticas de plantão A-D-O-R-A-M o rosa! Em tons claros, usados com o branco, ficam super charmosos. Em tons fortes, mesclados a outras cores análogas como o vinho e o roxo, ficam chiques e marcantes. Usado com o marrom ou fendi, também fica lindo. Uma cor que nunca sai de moda! E os homens não precisam se preocupar, pois o rosa deixou de ser cor de menina para ser trendy. Os mais antenados adoram!

Outra cor que é bastante usada (e pode-se notar que é a preferida da decoradora!) são os tons de LILÁS. O lilás clarinho, usado com o branco ou rosa, também segue a linha clean e romântica. Fica lindo também quando usado em ton sur ton (vários tons da mesma cor). Já os tons mais marcantes de roxo, usados com cores fortes são vibração na certa!

O VERMELHO é um clássico. O vermelho é uma das cores que possuem pouca variação em termos de tons, então procuramos trabalhar flores de diferentes formas e texturas, para que possam se sobressair. Usado com o branco, fica bastante destacada. Com o
marrom ou fendi, tem sua intensidade suavizada, uma combinação super chique! Os tons de vinho são muito finos e trazem sofisticação à decoração.

Por fim, o clássico dos clássicos, o BRANCO. Para quem não quer errar, quer uma decoração clean, ou se casará em um local com muita informação decorativa, o branco é o curinga! Acompanha todos os tons claros com muita sofisticação e suaviza propostas muiti-coloridas. Mas cuidado! Se a idéia é usar o branco para apagar uma cor quente (amarelo, laranja ou vermelho), o resultado é exatamente o contrário: esse tom ilumina as cores fortes, deixando-as ainda mais evidentes. Nesse caso, um tom de champagne funciona melhor. Existem também o off-white, que são tons de branco mais "sujinhos". Em uma composição moderna,
até dramática, aparece ao lado do preto, com toques de alguma cor forte, como pink ou amarelo. É puro glamour!

Lembre-se: esse é o seu momento!
Prepare o cenário que mais lhe agrada, que enche seu olhos e aquece o seu coração, e com certeza todo mundo irá adorar!

 
SAVE THE DATE

Uma forma simpática de avisar os convidados da data do seu casamento, antes mesmo do envio dos convites é o Save The Date. Muito usado no exterior, é um lembrete informal para que as pessoas reservem aquele dia para um compromisso muito especial: o seu
casamento! Por serem mais informais, podem ser encaminhados inclusive por e-mail. Prático e delicado!

 

 
Flores de Lapela – Boutonnière ou Corsage

Há quem adore, há noivos que ainda resistam... mas por que mesmo deve-se usar a flor na lapela?

Na verdade, ela simboliza o carinho e o desejo do noivo em estar elegante para a noiva. Assim como ela traz flores para ele em seu bouquet, é uma forma de retribuição. E se o casamento é a celebração do amor, nada mais romântico, certo?

A flor deve ser usada pela noivos e padrinhos, na lapela esquerda do paletó, presa por um alfinete. Em geral o noivo usa uma flor ou cor diferente dos padrinhos, afinal ele é a figura masculina mais importante nesse momento! Se o traje do noivo já for diferenciado dos demais, então a lapela pode ser a mesma.

Quem usa são os pais, os padrinhos e o noivo, para diferenciá-los dos demais convidados.

Até pouco tempo atrás usava-se predominantemente o cravo, por ser considerada uma flor “masculina”. Mas os tempos mudaram, os homens estão mais abertos a novidades e podemos usar todo o tipo de flor e cor. Se combinar com o bouquet da noiva então, melhor ainda!

Noivos mais modernos podem escolher lapelas que não sejam feitas com flores naturais, mas de tecido, feita com botões ou algum material inusitado. Tudo vai depender do estilo do casal e da festa. Não há limites para a nossa criatividade!

Se o noivo não quiser usar flor de jeito nenhum, não tem problema. Pode-se usar apenas um lenço no bolso.
Lembrando que ou o lenço ou a flor. Os dois juntos fica over. O importante é se sentir à vontade e ser feliz!

 
Mini Wedding

Casais que já moram juntos, benção de uma segunda união ou simplesmente casais que buscam uma comemoração mais íntima: cada vez mais pessoas se rendem à tendência dos mini-weddings, ou mini-casamentos. Essa nova maneira de celebrar um
casamento nada mais é que uma evolução do famoso “bolo com champagne”. Neste novo formato, a festa traz todos os elementos de um casamento tradicional, mas de uma maneira “mini”. Lista de convidados menor (até 100 pessoas), menor duração da festa e um menu mais compacto, composto de um coquetel ou das atualíssimas finger foods (comidinhas para comer com as mãos, sem o uso de talheres); um belo bolo e doces caprichados, servidos na companhia de um bom frisante arrematam a festa. Neste tipo de casamento, a decoração é caprichada, ainda mais personalizada. Vale investir numa bela mesa para o bolo e os doces, em confortáveis lounges para acomodação do convidados, em identificações charmosas das comidinhas, e em lembrancinhas bem fofas. Uma música tranqüila é uma boa pedida, pois não haverá tempo para uma pista de dança. Quarteto de cordas, jazz e a boa e velha MPB dão conta do
recado, entretendo os convidados. Os mini-weddings são festas planejadas para poucos e especiais, onde os noivos conseguem dar atenção a todos os convidados e comemorar sem se despedir na porta da igreja! Um bom cerimonial garante que tudo seja feito no tempo previsto de forma elegante, para que os noivos possam curtir esse momento tão especial. Por sua dimensão reduzida, pode ser uma alternativa mais econômica às grandes festas, porque um dia tão especial como este não pode passar em branco! Ah, e não esqueça do horário! Uma vez que não será servido jantar, é interessante que aconteça fora dos horários das refeições. No final da tarde, com duração de cerca de duas à três horas, é o ideal! Os locais variam desde um bonito salão de igreja, um restaurante bacana, uma chácara com cerimônia no local ou até mesmo a própria residência da família, desde que acomode a estrutura necessária para a festa, ainda que pequena. Uma comemoração chique, íntima, e muito, muito especial!